Bem-vindo ao Food Reset

07/03/2019

Perder 12 kg em menos de um ano e ter-me curado de todas as doenças ou mal-estares que tinha foram os resultados do que chamei um reset total da minha alimentação.

Sendo formada em Engenharia Agro-Alimentar, fui “obrigada” a perceber que não chega saber como se “fabricam alimentos”, e que é preciso ir bem mais longe.

Assim, e depois de uma graduação em Nutrição Funcional, nasceu o Food Reset.

 

Reformulei muitos dos meus hábitos alimentares (e não só), tornei–me uma “food resetter”. Compreendi que é possível gerir o que se come, percebendo porque se deve comer uma coisa e não outra e de que forma, de modo a manter sempre o equilíbrio do sistema imunitário e da saúde.

 

Acredito que uma vez que se faz um Food Reset, dificilmente se volta aos antigos hábitos. Porque passamos a ver as coisas com outros olhos e a compreender as consequências das nossas escolhas. Passamos a interpretar o nosso corpo de maneira diferente e percebemos finalmente porque a maior parte das dietas simplesmente não funciona de forma sustentável no tempo. E é muito recompensador quando sentimos que este reset de facto faz efeito e que perdura.

 

Claro que há casos mais simples e outros mais complexos, que nem todos temos o mesmo ritmo de desintoxicação e/ou de readaptação a um novo regime. Porque anos e anos de alimentação errada, combinados com as características genéticas e hormonais de cada um, têm consequências diferentes e muitas vezes requerem práticas de algum modo diferentes.

Mas uma coisa é certa, os efeitos sentem-se a curto prazo e os resultados são bastante visíveis na grande maioria das vezes, desde que o reset seja compreendido e cumprido, isto é, totalmente levado a sério por quem se dispõe a fazê-lo.

 

Mas Como? Siga-nos e comece já hoje o seu Food Reset !!

Please reload

Please reload

Please reload